ZépiDetenção Sem Muro (Prod. Nvrv)9 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
Iniciando música ~ em
    1 / 2

    Detenção Sem Muro (Prod. Nvrv)

    Zépi

    Bebidas, mulheres, baladas, noitadas atiradas as onças
    Nessa terra de ninguém vi cascos e flash's desviarem responsas
    Pra que festas com piscinas, se a tempo não temos o que comemorar
    Tiroteio em meio a fome e cocaÍna, e agora sim eu entendo o que tudo eu vim buscar

    Você me diz que o golpe que o governo aplica
    Até mermo se justifica, pelo brasileiro que Brasil não vai andar
    E a sociedade diz "Sim, Serás aceito", diploma de medicina
    Porém vitima dos atos que a forjada mídia ensina

    E do que não é possível se ver
    Se torna quase impossível se livrar....
    (Quase impossível se livrar)

    O mercado nos obriga a consumir produtos
    A servidão moderna irá te doutrinar
    Pra nós que nascemos no cenário da pobreza
    Sobrevivermos numa bolha, só com 24 horas de ar

    Vivemos os dias como se fosse o ultimo ? -Não!
    Vivemos os dias como se fosse o mermo !
    A percepção me mostrou o quanto esse planejamento é trágico
    O próprio sistema cria e pune os menores problemáticos

    E a uns anos atrás, mais um peregrino a procura de motivos
    Fomos andarilhos, noite a dentro por esse "rio de riscos"
    Topando e vagando só com mortos vivos
    Vi que nem mais os garotos tinham espíritos de menino

    Nem mais os garotos tinham espíritos de menino

    -Tanta coisa hoje mudou, óh


    (REFRÃO)
    Onde Não Vemos, nem ouvimos
    Só sabemos do existir porque sentimos
    A vida inteira
    Tá no ar que respiramos, na comida que comemos
    No futuro que almejamos...
    (Ahhh) Detenção Sem muro!

    Onde não vemos, nem ouvimos
    Só sabemos do existir porque sentimos
    A vida inteira
    Tá no ar que respiramos, na comida que comemos
    No futuro que almejamos...
    (Ahhh) Detenção Sem muro!
    (Detenção sem muro)


    E o que no século XIX nasce
    Da inicio a liberdade em rumo ao principio
    Descartaram a importância do setor primário
    Pra área industrial lucrar com nosso "suicídio"

    (Somos)
    Programados pra crer que pelo empenho no trabalho
    Há possibilidade de mudança
    A realidade é que em nosso país o pobre é descartável
    E se eu morrer na miséria é porque não tive sorte ou competência

    (Não!) Tapem os ouvidos ou fiquem calados
    Firmamento, desacato a vossa excelência
    Aqui crescemos de punhos serrados
    E nossa arte é prova viva de independência

    Decodificação genética, controle em massa
    Silêncio perante a repressão em falsa ética
    De quebra a alienação, visão embaça, queda
    Farsa, pondo algemas em mentes que se dizem céticas

    E nessa cela me entreguei de peito aberto aos "réus"
    Enquanto a TV sugere que...
    Se derrubarmos uns aos outros, hã levantamos "troféus"

    -Pra que "encarassemos" a vida como se fosse uma arena

    Só eu vi os estádios de futebol
    Se resumirem num tipo de coliseu moderno
    E os arquitetos desse plano cultivarem mentes
    Encarceradas num labirinto "eterno"

    Pra que fosse implantando em nós
    Esse instinto competitivo
    Tudo tão bem manipulado e intencionado pra não nos unirmos
    Raças, classes, diferenças, religiões e partidos
    Separando o povo por opiniões, na era do capitalismo

    Irmão matando irmão, pai mata filho
    Desde Cain e Abel esse caos sempre existiu
    Mas gera medo na população, hoje sendo transmitido
    Pro povo sem saber o poder que tem
    Se conformar em fazer parte do silencio junto aos oprimidos


    (REFRÃO)
    Onde Não Vemos, nem ouvimos
    Só sabemos do existir porque sentimos
    A vida inteira
    Tá no ar que respiramos, na comida que comemos
    No futuro que almejamos...
    (Ahhh) Detenção Sem muro!

    Onde não vemos, nem ouvimos
    Só sabemos do existir porque sentimos
    A vida inteira
    Tá no ar que respiramos, na comida que comemos
    No futuro que almejamos...
    (Ahhh) Detenção Sem muro!
    (Detenção sem muro)


    É só parar pra associar
    Tudo é uma mentira
    Esportes, Jornais, Reality shows, carnavais
    Ser humano é descartável mermo né
    Como se fôssemos uma bateria
    Só levando a carga a um sistema superior
    O Homem estragou tudo !

    Músicas mais acessadas

    Fotos (12)

    Clipes (2)