Walmir LucenaBrinquedos670 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
cancelar

Seu comentário foi publicado. Visualizar

Iniciando música ~ em
    1 / 1

    contrate

    Walmir Lucena

    (21) 99726-6113

    Brinquedos

    Walmir Lucena

    Tantas lembranças mansas, que me trás,
    Esse tempo chuvoso, que hora faz,
    Brinca lá fora, agora, de chorar
    E eu aqui dentro, entro, dentro, em mim, à buscar
    Pique na chuva, guerra de lama, meus brinquedos (bis)
    Bente que bente é o frade, frade, na boca do forno, forno
    Me tirai um bolo, bolo, tudo que seu mestre mandar, faremos todos
    Vem vento Cachinguêle, cachorro do mato quer me morder (bis)
    Ho ho ho ho ho ho...(bis)
    Não há mais chuva e o sol já, se chegou
    Minha saudade o vento, não levou
    Coisas boas gosto de lembrar,
    Esta chovendo agora em meu olhar,
    Mas de medo,
    Pois meus filhos, não vão conhecer...
    Os meus brinquedos...
    Bente que bente é o frade, frade, na boca do forno, forno
    Me tirai um bolo, bolo, tudo que seu mestre mandar, faremos todos
    Vem vento Cachinguêle, cachorro do mato quer me morder (bis)

    Letra e música de Walmir Lucena

    fotos (9)

    clipes (1)

    comentário (0)