Contrate

Dokttor Bhu

(03) 9696-3674 | (39) 9669-6717

Apocalipse - Part. Roger Deff

Shabê e Roger Deff

A minha volta
É só ruínas
Eu só queria brincar
De fazer rimas (2x)

Agora corro na rua
A morte do meu lado
Vou comendo carne crua
Me sinto desesperado
Regressão fatal
Á um pouco de raciocínio
Neanderthal
Ou meio homem
Ou meio símio
Sobra o extinto
Pra sobrevivência
Revolução retroativa
Tava errada a ciência
Um passo pra frente
Dez passos pra traz
A humanidade agora
Aqui jaz
Chegam lembranças
De um passado remoto
Não foi vulcão não
Não foi terremoto
E nem foi Deus
Com a espada da justiça
É dia o céu ta preto
As ruas fedem carniça
Perdido em devaneio
Enxergo embaralhado
Foi desmaiar
Tenho de ficar ligado
Sou o predador ao mesmo tempo
Sou a caça
Nada pra despistar
Estado puro da desgraça
Cabô a cachaça a
Pedra e a farinha
Foi se embora a esperança
Que eu nem tinha
Alienado
Concordava com tudo
Rangava tinha um teto
Foda-se pro mundo
Me resta sorte
Sorte não existe
Esperar a morte
Viver também é triste
Quem é o culpado
O que aconteceu
A culpa é sua
O culpado sou eu.

Apocalipse
Ou devaneio
Morte e salvação
Ao homem eu nomeio
Abastados
Ou mortos de cede
Mas
o cinza já foi verde (2x)

A minha volta
É só ruínas
Eu só queria brincar
De fazer rimas (2x)

No mundo inóspito
Restou o ócio
Em andamento
Está o óbito
E eminente já é obvio
O presente é consequência
Do passado é só um fato
Restou o fardo amargo
O mundo construído ontem
Gerou amargura
Tristeza tragédia
Gerou um mundo inabitável
E a conclusão incontestável
O homem é a doença
Loucura sem cura
Ficou a lembrança
Da esperança
do fim da guerra
Sem trégua
O mundo de ontem
Só fronteiras barreiras trincheiras
Hoje deserto a imensidão do nada
A eterna luta por poder
A diferença trouxe
A consequência
A fé sega na ciência
O individuo
Maquina do consumo
Consumido
O ódio ao semelhante
Intolerância indiferença
Diferença a dor alheia
Unilateralismo
Gerou terrorismo
Genocídio invasão
Paz irmão
Penso no futuro
Pense nisso
Imagine o mundo
Que vai deixar pros seus filhos

Apocalipse
Ou devaneio
Morte e salvação
Ao homem eu nomeio
Abastados
Ou mortos de cede
Mas
o cinza já foi verde (4x)

A minha volta
É só ruínas
Eu só queria brincar
De fazer rimas (2x)

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (2)

Fotos (1)

Clipes (9)

Release

Política, amor, setentismo e a cultura pop norteiam o trabalho desses MC's que conquistaram com originalidade e irreverência seu espaço na cena musical de nossas gerais. O cd de estreia, Conglomano (um conglomerado de irmãos), produzido por Dokttor Bhu, traz uma diversidade saudável com letras impactantes. Em cima de uma sonoridade fundamentada no que eles intitulam "setentismo", uma mistura de soul, funk, MPB, rock e a psicodelia dos anos 70. Os paladinos estão juntos desde 2006. Dokttor é músico, produtor, ator e um dos fundadores da banda Divisão de Apoio - 1° grupo de Rap de Belo Horizonte a utilizar instrumentistas em seu trabalho. Shabê é MC, letrista arrojado com influências literárias e cinematográficas, integrou o grupo Caçadores de Estilo, um dos mais significativos grupos de dança de rua em BH ...

Continuar lendo>>