VórticeQuarto Teto5.321 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 6

Contrate

(21) 3390-0787

Quarto Teto

Rommel

Todos os anjos são terríveis
E a tempestade vem de longe pra varrer
o gelo do seu ego...
E ainda escorrendo dos seus olhos
deixo de lado este farol
e as perguntas que afogam o meu perfeito Quarto Teto

(Tem um anjo e um demônio esperando um sinal...)
Tem um anjo e um demônio sentados no sol...
(Apostando a humanidade na mesa de bilhar...)
Apostando a humanidade no fim de um carnaval...

Já não conheço o outro lado da esquina
A ilusão já não se mostra perdida
Por que fingir dói menos que perguntar?
Por que querer não basta, nem acreditar?
E as renúncias que destoam da impotência recoberta
que configuram a coragem
e o sacrifício n'alma peca
são facilmente misturadas e esculpidas em
mármore frio e suas veias, virgens, velhas
são rascunhos do que crio

Na cara dura a personagem sem o sangue na espada
são quase nuas, quase fadas,
facilmente misturadas...

Músicas mais acessadas

Fotos (3)

Release

Com a base da sua formação atual desde o início de 2003, o Vórtice vem se fortalecendo a cada apresentação e agregando à sua força e à sua dedicação novas Bandas e Amigos que são sempre agraciados com sua bela performance. Testemunhas vivas de verdadeiros espetáculos.
Seus pilares foram sedimentados no início de 2003, com o encontro de Edgard Oliveira (Bateria), Vinícius Mendonça (Contrabaixo) com Nino Vergal (Vocal), num final de Domingo.
No meio de 2005 ocorre a entrada do Guitarrista Carlos Vitor e o Vórtice já consolidado como uma Banda consciente e madura, reafirma sua meta de pôr em prática seus estudos musicais e literários somados à todas as suas experiências pessoais, musicais (e como uma Família), bem como aos seus constantes mergulhos em suas inúmeras influências artístico-musicais. Influências ...

Continuar lendo>>