Vitor e DodôSonho Ou Pesadelo28.238 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 6

Contrate

DB Music Produções Artisticas

(11) 94714-1500 | (11) 2532-2651

Sonho Ou Pesadelo

Bruno Brito, Dodô Andreotti e Jeferson Machado

Quando te vi
Me encantei
Pelos teus olhos
Me apaixonei

Teu jeito simples
De me falar
Coisas que eu
Nem sei explicar

Deixei você sair corri
E não te encontrei
E nem o seu nome eu sei

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

Deixei você sair corri
E não te encontrei
E nem o seu nome eu sei

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

E eu sonhei acordei agarrando o travesseiro
Meu Deus não sei se é sonho ou pesadelo
Eu to em casa me afogando na maldita da cachaça

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (1)

Fotos (16)

Clipes (6)

Release

A história de Vitor e Dodô se iniciou com uma grande amizade em meados de 1996. Entre uma brincadeira e outra, a dupla foi se tornando destaque no cenário musical da região, participando e sendo vencedora de festivais de canto popular.A partir daí, Vitor e Dodô desenvolveram muitos projetos musicais juntos, como bandas, festivais de músicas, representando o colégio que estudavam, entre outros. Além de carregarem uma forte amizade, a dupla leva no peito o gosto pela música sertaneja e a bandeira desse estilo musical em todos os seus shows.Eles mantêm como foco o sertanejo universitário, porém não deixa de lado a música de raiz, as vaneras, modas de viola, entre outras. Procuram sempre manter sua própria identidade, de um som de qualidade, dinâmico e com profissionalismo.