Contrate

Vanderlei Batista

(51) 8137-8427 | (55) 9611-2032

01 Trovejando uma vanera

Vanderlei Batista

Abre a cancela, parceiro, que eu vou cruzar,
com meu cavalo bem bagual que é um trovão,
Sou da fronteira e gosto de ginetear,
sou afamado, ginete bem gauchão,
pego o violão e canto toadas do Noel,
vou resgatando fortuna da tradição,
e quando pedem pra eu declamar uma poesia,
eu puxo um verso de Jayme Caetano Braun.

Meu verso é cheio do sotaque fronteiriço,
meu compromisso é com a cantiga galponeira,
eu sou cantor, sou domador e danço bem,
sou mestre guapo na pura lida campeira,
quando o gaiteiro abre o fole da cordeona,
abro a garganta, trovejando uma vaneira.

E as noitadas do mais puro nativismo,
canto o ativismo do Rio Grande bem bagual,
na minha terra não tem tudo, mas não falta,
nada que eu possa me sentir fenomenal,
eu so mais eu e ninguém me leva por diante, sou do Rio Grande, este é o meu ideal,
cada vanera que eu canto nas bailantas,
me (pra mim) representa que é um hino nacional.

Músicas mais acessadas

Fotos (387)

Release

CONFIRA UM POUCO DA OBRA DESTE CANTOR COM ESTILO PRÓPRIO E AUTENTICO DO RIO GRANDE DO SUL !
Com mais de vinte anos de carreira,natural de Sao Francisco de Assis,missioneiro,
com mais de vinte(20)discos gravados e,lançados,quatro cds solos,e,uns discos
como vocalista de grupos e,bandas que atuou no decorrer do tempo.
Primeira banda que cantou,foi Os Ases do Fandango,gravou dois discos na era do
vinil,atuando na qualidade de vocalista e,compositor da banda.
Depois foi convidado para atuar nos Lendários,onde gravou tres cds com a banda.
Logo após passar oito anos cantando com este grupo,foi para a cidade de Caxias
do sul,onde gravou e fez parte da banda Herança Gaucha,onde produziu,e,cantou
no cd do ...

Continuar lendo>>