Contrate

Bárbara Nepomuceno

(86) 8800-4073 | (86) 9841-9073

Superbonder

Thiago e

Superbonder
Thiago e
Exórdio do samba: tudo que era sólido desmanchou-se no ar
Marx ninguém poderia antever o antídoto para a
Pós-modernidade.

Lá vem da esquina da quitanda ou do mercado colorido
Caos pós-moderno de uma civilização
E a gente grita super super superbonder!
E no mundo não há mais separação

Fractal metamórfico barbitúrico colossal
Pórtico liso erudito transformusculacional

Que cola tudo, o chão rachado do sertão
Os cinco dedos da mão as bolhinhas da água em ebulição
Esse negócio de desconstrução nunca foi uma boa não
Super bonder é um multirão pela epopéia do unitário
Para que tudo vire um num belo gozo sanitário
Volte a terra pra pangéia nesse ritual otário
Feito um santo salafrário

Fractal metamórfico barbitúrico colossal
Pórtico liso erudito transformusculacional

Para o parafuso solto... super bonder
Para a desunião mundial... super bonder
Para os cacos de amor... super bonder
Para o big- bang pós-modernidade... super bonder

Ah! houve um lindo casamento
O casal não gastou com alianças
E na hora do sim, o padre os aproximou
E passou super bonder nos dois
Os dois à milanesa no super bonder
Os dois num rocambole de super bonder
Os dois num banho-maria de super bonder
Ah! e os convidados, os convidados não tinham arroz
E xiringavam super bonder no casal apaixonado
Ah! e a lua de mel, "Ei mãe, ei mãe, ei mãe"
Uma lua de mel seria floriescorregadia
E o casal então teve uma lua de super bonder
Hoje os dois vivem juntinhos até que a morte os separe

Fractal metamórfico barbitúrico colossal
Pórtico liso erudito transformusculacional

Ei mãe, ei mãe!
Será que o super bonder foi inventando no mesmo laboratório norte-americano imperialista onde foi criada a gripe do frango ou quiçá a aids
Ei mãe, quando eu crescer quero ser o Jorge Mautner, eu quero ser o Jorge Mautner
Ei mãe

Músicas mais acessadas

Fotos (15)

Clipes (4)

Release

Há 10 anos, a banda piauiense Validuaté instiga o público com seu som singular. Elementos de diversos gêneros musicais são agregados para construir um trabalho próprio. Performances, rock e alguma poesia se juntam a esse mosaico inclassificável. Em Teresina, onde o grupo regularmente se apresenta, a Validuaté tem um grande público, fiel e empolgado. E, por meio da divulgação nos inúmeros canais virtuais, essa platéia já vai aumentando Brasil a dentro.

A banda já tocou com artistas como Vanessa da Mata, Maria Gadu, Caetano Veloso, Jorge Mautner, João Bosco, Seu Jorge, Cachorro Grande, Paralamas do Sucesso, Nando Reis, Frejat, Nação Zumbi, Humberto Gessinger,

Em 2008 a Validuaté lançou seu primeiro álbum "Pelos Pátios Partidos em Festa" e um DVD, em conjunto com as bandas Captamata, Batuque Elétrico e Roque Moreira ...

Continuar lendo>>