contrate

Saudade Boiadeira

Campos Sales e Pedro Ornellas

É manhã e a primavera acende flores nos barrancos
mesmo o sol fica mais branco nos floridos cafezais
e este velho boiadeiro um poeta das estradas
lembra então sua boiada, coisas que não voltam mais
A saudade machucando, alma, peito e coração,
traz de volta a solidão das eternas madrugadas
e o peão de boiadeiro já vencido pela idade
vai no lombo da saudade campear sua boiada

Ê, ê, ê, ê, ê saudade, saudade da boiada,
saudade da pousada, saudade do sertão
Ê, ê, ê, ê, ê saudade, saudade boiadeira,
saudade companheira da minha solidão.

Nas estradas do meu peito a saudade boiadeira
se juntou à companheira e velha amiga Solidão
e vão juntas campeando tantas mágoas que a vida
foi deixando escondidas dentro do meu coração
Então lembro Mariana, olhos negros, traiçoeiros,
a paixão do boiadeiro que tanto me fez penar
a novilha fugitiva mais arisca da manada
que perdi numa ribada e jamais pude encontrar.

Ê, ê, ê, ê, ê saudade, saudade da boiada,
saudade da pousada, saudade do sertão
Ê, ê, ê, ê, ê saudade, saudade boiadeira,
saudade companheira da minha solidão.

fotos (24)

clipes (13)

comentários (50)

Alceu Correia

através do palco encontrei essa dupla de artistas e já fiquei fã gravei muitas musicas de vocêis pra ouvir...

Sérgio Borges

sergio borges

Israel Oliveira

Show demais.

Eleonice Juste

Homenagem ao Sr. Fifio

andrecaconde

gostaria por meio deste espaço parabenizá-los pelo trabalho,é impressionante como a linguagem simples do campo pode retratar tão bem as histórias do verdadeiro gênero sertanejo...

45 comentários

artistas relacionados