Contrate

Davi Ferreira

(32) 99921-9441 | (32) 3017-6126

Ninguém

Davi Ferreira

Não vê tanta graça, não lê nenhum livro
Não tem nem dinheiro pra comprar um pão
Vida escassa, toma manguaça
Arranja dinheiro, vira ladrão

Todos os dias dorme na rua
Corre dos homem pra si proteger
Faz 155 todos condenam
Mas ninguém pensa que é pra sobreviver

A coisa é séria não é brincadeira
Muitos têm medo de compreender
Os que têm dinheiro não compreendem
Pros seus interesses poder atender

Nunca na vida na rua esquecida
Se tornará um bom cidadão
Porque não há atitude ninguém faz sua parte
Para ajuda-lo a salva-lo então

Não falo de igreja, não falo de esmola
Falo de luta, disposição e carinho
Para ajudar a salvar muitos outros
Que estão presos nesse mesmo caminho

Não sei o que você vai pensar
Não sei em que situação você está
Mas se nos unirmos sairemos do curral
Com disposição contra quem nos faz mal

A disposição é a fé que esquece a preguiça
E quando não se teme mais vale a pena a malícia
Não vê tanta graça só vê sua desgraça
Enquanto os playboy gastam de madrugada

E ele não tem o que comer
O que é que vai fazer

Ser igual, ser igual, ser igual, ser igual
Ser igual só com uma arma na mão
Ser igual, ser igual, ser igual, ser igual
Ser igual só com uma arma na mão

E quando você pensa que o problema já acabou
E ele ainda nem começou
Na cadeia não tem lugar e ele não tem um lar
Sai de lá pra piorar, sai de lá depois volta pra lá

Ser igual, ser igual, ser igual, ser igual
Ser igual só na sua sela
Ser igual, ser igual, ser igual, ser igual
Ser igual só na sua sela

Desse jeito ninguém
Nunca vai ser alguém

Músicas mais acessadas

Fotos (109)

Release

A banda começou a surgir em 2001, quando o vocalista Davi Ferreira junto com o baterista Leonardo Vargas de Moura fundaram o Korvo Punk. Ambos estavam no terceiro ano do ensino médio. O repertório inicial era composto por Ramones, Nirvana, The Offspring, Titãs e algumas músicas próprias. No ano seguinte a banda passou a chamar Comedores de Lixo.

Em 2003, percebeu-se que o nome Comedores de Lixo não era muito atrativo. Com a entrada do baixista Renato Rezende (o "Ratu"), a banda passou a chamar Subefeito e o nome "Comedores de Lixo" passou a ser o título do primeiro álbum, gravado no mesmo ano no Estúdio Caraíva Music em Juiz de Fora - MG. A produção foi independente e teve grande colaboração do estúdio. O resultado surpreendeu: um álbum com qualidade ...

Continuar lendo>>