Sérgio PennaMinha Gerais832 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 7

Contrate

Sérgio Penna

(11) 9823-1110 | (11) 2950-0792

Release

Sérgio Penna
Mineiro de Santa Rita do Jacutinga, violeiro, cantor, compositor, produtor musical e arranjador. É professor de viola e criador do grupo Violeiros Matutos, onde atua como violeiro solo e vocalista. Passou a infância típica de menino do interior mineiro, no cotidiano do sítio onde nasceu e cresceu ouvindo causos e música no radinho de pilha, daqueles que eram seus ídolos e pioneiros da tradição caipira como Tião Carreiro e Pardinho, Liu e Léo, Tonico e Tinoco, entre outros. Em 1993, como tantos que saem de suas cidades para tentar a sorte na cidade grande, Sérgio mudou-se para São Paulo já como músico viajando pelo interior do estado. Cursou viola caipira de 2000 a 2005 na escola CEM - Centro de Estudos Musicais Tom Jobim. De 2000 a 2003 fez parte da Orquestra Paulistana de Viola Caipira atuando como violeiro solista. Desenvolveu seu estilo próprio de tocar e decidiu convidar alguns músicos para fundar o grupo Violeiros Matutos, um grupo típico de resgate e preservação da cultura caipira, com músicas que relatam o dia-a-dia do homem do campo, com estilo próprio e cativante.

Trajetória de Sérgio Penna

Em 1993 saiu de Santa Rita do Jacutinga, MG e veio para Mogi idas Cruzes.
De 1995 a 2001 foi contrabaixista de banda. Em 2000 entrou na escola de música CEM (Centro de Estudos Musicais Tom Jobim) vindo a concluir o curso de viola caipira em 2005.
De 2000 a 2003 fez parte da Orquestra Paulistana de Viola Caipira.Em 2002 fundou o grupo Violeiros Matutos com o qual gravou quatro CDs. O ultimo gravado em 2009 somente com músicas de sua autoria.Em 2005 participou do festival Syngenta de Viola Instrumental. No ano de 2006 ganhou o projeto de Lei de Incentivo à Cultura da Prefeitura Municipal de Amparo/SP, CD TERRA BRASIL, projeto este que consiste numa pesquisa sobre música caipira com os integrantes do Coro de Meninos de São Francisco de Assis e gravação de algumas manifestações culturais mineiras e músicas de sua autoria.

Como músico de estúdio fez gravações no disco CINE MAZZAROPI do cantor Zé Paulo Medeiros, no disco ALMA CAIPIRA do cantor Cláudio Lacerda entre outros.
-Em 2005 participou do Prêmio Syngenta de Viola Caipira com a música “Minha Gerais”

-Sérgio Penna lançou em 2011 seu disco solo com músicas instrumentais de sua autoria (com arranjos e produção própria), explorando as variadas afinações existentes na viola caipira.
Em 2011 produziu CD da Orquestra Feminina Viola de Saia.

-Em 2012 fez a trilha sonora com viola e rabeca no livro ilustrado com texto em forma de cordel dos autores Fábio Sombra e Maurício de Sousa: “A peleja do Violeiro Chico Bento Com o Rabequeiro Zé Lelé”. O livro vem acompanhado de um CD com a locução de Almir Sater.

-Em 2012, com o grupo Violeiros Matutos, na etapa eliminatória do festival “Viola de Todos os Cantos” da EPTV (filiada à Rede Globo), ocorrida em Araraquara,SP, a música “Minha Siba” de sua autoria, defendida pelo grupo, classificou-se em primeiro lugar, garantindo a participação na etapa final do evento, em Poços de Caldas, MG, quando conquistou o 3º lugar, na categoria “música raiz”.
No “Troféu Voto Popular”, também na categoria raiz, a canção “Minha Sina” foi a mais votada.

-Em 2013 Sérgio Penna foi contemplado com o Prêmio Rozini/Instituto Brasileiro de Viola Caipira na categoria Violeiro Solo. A cerimônia de entrega do prêmio aconteceu no Memorial da América Latina em São Paulo.

-Com o parceiro Fábio Sombra, pela Zit Editora Sérgio Penna tem duas publicações de livros infantis. O primeiro “Duas Festas de Ciranda” e o segundo “Mês de Junho Tem São João”, ambos acompanhados com músicas típicas do estilo criadas pelos próprios autores.
Pela Giramundo Editora, uma de suas composições “Brincadeiras no Sertão” virou um livro ilustrado também para o público infantil. Essas ilustrações acompanham a letra da música onde Sérgio Penna relata suas brincadeiras de infância vivida na roça onde nasceu.

-Em 2013 foi lançado o filme “Frei Galvão, o Arquiteto da Luz” que mostra a vida do primeiro santo brasileiro, Antonio de Santana Galvão, mais conhecido como Frei Galvão, o primeiro Santo Brasileiro. Sérgio Penna participa com arranjos de viola caipira na trilha sonora do filme, além de ter composto com Malcolm Forest, o cantor, compositor e também produtor do filme a moda de viola com o título “O Maior Brasileiro”.

Influências

Almir Sater, Tião Carreiro, Ivan Vilela Entre Outros.