Roberto UberCarta, Perfume...2.544 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 19

Carta, Perfume...

Roberto Uber

Carta, Perfume...

Carta, perfume
tudo vaga-lume de nós dois,
flores que vêm depois.

Traça, veludo
a saudade é fruto que ficou,
rastro de tudo.

Asas de anjo,
folhas de seda,
brasas que se acendem
nas cinzas da alma.

Olhos antigos,
risos, viagem,
álbuns que se abrem
em palmas distantes.

Tarde, tatame
a saudade ata-me a ti,
luz diferente.

Rosto deserto,
na gaveta fotos que esqueci,
longe e perto.

Asas de anjo,
folhas de seda,
brasas que se acendem
nas cinzas da alma.

Olhos sem fundo,
letras, miragem,
coração cometa
nas voltas do mundo.

Dorme comigo,
o perigo é nunca se esquecer.
Vejo o que eu posso ver.

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (2)

Fotos (8)

Clipes (12)

Release

"Roberto Uber é mais um bom exemplo de um dado relevantesobre a canção brasileira: ela é, antes e acima de tudo, uma maneirade dizer, algo que nasce da fala. Uma maneira mais enfática, maisexpressiva, rica em nuances, e, para quem tem algo a dizer, comoUber, todos os detalhes musicais deixam de ser detalhes para suas
ótimas letras, melodias bem desenhadas e ao mesmo tempo fáceis
de guardar na memória.
A produção musical de Weber Lopes e a participação dos músicoscorroboram para que o que há para ser dito venha com força ebeleza de uma seta atingindo o alvo. O disco soa certeiro,verdadeiro, honesto, e nele Uber se equilibra no alto de sua
segurança como competente cancionista."
Kristoff Silva

“Roberto Uber é um artista singular.
A forma com que ...

Continuar lendo>>