ProfanahEmissário do Cão383 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 6

Emissário do Cão

Tales de Azevedo

Julgaram o velho homem como emissário do cão,
mas os tolos se deleitavam com o seu sofrimento em vão.
Não podiam imaginar, não podiam sequer prever,
quão tolo era o julgamento para aquele que se vê.

O verdadeiro emissário por uma voz ficou sabendo,
de como era tratado aquele que era tido como o pagão.
Então ele se apressou para aquele local
e lá se revelou com sua verdadeira missão.

Tolos temedores do céu, o seu tempo se esgotou.
Estrela da manhã regresse seja vosso o nosso reino.

Emissário do Cão venha a nós, o mundo se destruirá!
Emissário do Cão venha a nós, não adianta tentar escapar!
Emissário do Cão venha a nós, os humanos se destruirão!
Emissário do Cão venha a nós, não adianta ter perdão!

Os pobres bastardos não entederam quando apareceu.
Era o poder do inferno se abrindo sobre o céu.
O fim estava próximo, mas próximo do que nunca,
mas tola é a mente humana que não via a beleza disso.

A morte é só uma passagem, um sinal de mudança.
Não precisa temer a carta, esse é só um sobreaviso.

Músicas mais acessadas

Fotos (3)

Release

Formada no início do ano de 2006 e composta por Tales de Azevedo, no contrabaixo, Omar Francis, nos vocais, Eduardo Mendes, na bateria, Fábio Bianna e Eduardo Chamorro, nas guitarras, o Profanah é uma banda de trabalho autoral influenciado por grupos de Heavy Metal nacionais e estrangeiros como Azul Limão, Taurus, Harppia, Black Label Society, Black Sabbath entre outras.

Tudo começou com o término da banda de Heavy Metal Éden Em Chamas, quando o baixista Tales de Azevedo e o vocalista Omar Francis se juntaram ao baterista Moisés Richards e ao guitarrista Fabio Bianna com o objetivo de continuar com o ideal da Éden Em Chamas de criação de um som autoral, pesado e em português.Assim sugiu a Profanah. A banda chegou a se apresentar em alguns shows alternativos ...

Continuar lendo>>