Roda Gigante

Rodolfo Costa

Lembra aquele papo de futuro que eu te dei, hein?
Tom de deboche você disse isso é caô
Toda negativa referente aos sonhos que sonhei
Busquei sozinho e ela não me acompanhou

Sei que se arrepende ao ver minhas cordas de ouro
Mas nunca usou as que eu te dei do camelô
Ontem era lixo hoje vê como tesouro
Colhe os frutos podres que você mesmo plantou

Mais uma vez, mais um do kunk, mais uma blunt que pega fogo
O tempo é rei, roda gigante
Eita mundo louco que girou de novo

Mais uma noite, duas das grandes
Um brinde que o pai tá de volta no jogo
O tempo é rei, roda gigante
Eita mundo louco que girou de novo

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (1)

Fotos (9)

Clipes (13)

Release

MC Rodolfinho é o eterno Vida loka. O cantor que se jogou no funk ostentação ainda com 18 anos, acertou com a música “Ai meu deus, como é bom ser Vida Loka” e escreveu a história do funk na capital São Paulo. Com mais de 5 anos de carreira, Rodolfinho é nome certo no funk de São Paulo. No currículo tem as músicas: “Os mlks é liso”, “Qualquer paixão me diverte” (gravado nos EUA) e o mais recente lançamento “Chora Boy”.