Deixa pra lá

Beto Landau

Eu vou contar uma história pra vocês
Eu me apaixonei, foi de verdade, foi de coração
Foi mais ou menos assim, ó

Na hora tocava bem alto Jorge Ben
Disso eu me lembro bem, disso eu me lembro bem
Olhou, sorriu e disse tudo bem
Disso eu me lembro bem, disso eu me lembro bem
Laço de fita no cabelo, a cor do esmalte era vermelho
Se ajeitou no espelho o baile parou só pra olhar
Sua sandália não arrasta, flutua
Sabe muito bem a noite é sua
No meio do salão o baile parou só pra olhar

O que é que há
Vem cá, meu bem
Pra gente brincar
Deixa pra lá
O que é que há
Vem cá, meu bem
Pra gente brincar
Deixa pra lá

Negou, cantou
Não botou fé
Se enganou
Negou, cantou
Não botou fé
Se enganou, morena

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (2)

Fotos (15)

Clipes (7)

Release

por Tony Bellotto

Se o Sex Pistols afirmava que não havia futuro na Londres sombria de 1977, a Le Raleh garante que ele também não existe no Rio ensolarado de 2013.

“O futuro acabou de começar e terminar”, canta a banda carioca numa de suas canções. Se a positividade da Le Raleh não tem nada a ver com o desencanto do punk, sua música mantém a crença em viver cada momento como se fosse o último.

Se Chuck Berry foi uma referência para as grandes bandas de rock dos anos 1960, Benjor e outros Jorges são inspiração constante para a Le Raleh.
“E como já dizia Jorge Maravilha, prenhe de razão, mais vale uma filha na mão do que dois pais voando”, cantam com muita malandragem em sua brilhante recriação ...

Continuar lendo>>