InatagCafé com Pão em Lanche da Manhã.4.292 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
1 / 2

contrate

Café com Pão em Lanche da Manhã.

Maxbk e Inatag

Todo dia de manhã acordo com remela,
Café esperando ao lado da panela,
Em cima da mesa,
Em dentro do bule,
Já abro a geladeira atrás do yourgute,
Aproveito e procuro o leite integral,
Existem alimentos que me fazem mal,
Meu amigo ja vem de manhã me chamando,
Chamo ele para comer um sanduba de frango,
Ele me convida para comer salgadinho,
Sempre é bom fazer um lanchinho,
Ida para escola ainda tem umas balas,
Chocolate morango mentas, variadas,
Chegando la ainda tem remix,
Nossa que coisa ainda to com apetite.

Imagine se eu tivesse no mac donald's,
Se pah no burger king até no gordão lanches,
Pena que imagino e não como nada,
E os caras com dinheiro só dando risada.

Ei natã vamos logo para escola,
A merenda daqui a pouco já esta na hora,
Café com pão, suco com bolacha,
Pega da cantina que para nos é de graça,
A dona da cantina quando nos vê,
"nossa que larica esses moleques que comer"
Venho roendo unha esperando o prato,
Mas eu já penso em um bife assado,
Olho para o lado o natã já esta rangando,
E eu estou aqui esperando,
A fila é muito grande eu não vou agüentar,
Corto ela até chegar la,
Enquanto o natã, já esta no segundo prato, não peguei o primeiro já estou enraivado,
Preciso de três pratos para encher minha barriga,
Não tem nada não eu encho de farinha,

Imagine se eu tivesse no mac donald's,
Se pah no burger king até no gordão lanches,
Pena que imagino e não como nada,
E os caras com dinheiro só dando risada.

Fome pra caramba, ainda não termino,
Enquanto tem gente que no prato nem começo,
A colocar arroz e um pouco de feijão,
E muitos ainda aqui comem na própria mão,
Enquanto na miséria os humildes se ferra,
E o rico só dando risada da favela,
Só no fast-food e bancando saúde,
E o pobre no lixo catando potinho de yorgute,
Vencido vazio contaminado,
Só recebendo um pouquinho de salário,
Inesquecível desde o começo foi aquilo,
Quanto mais pesado o preço ia subindo,
Quilo para nos, não, não era em grama,
Queria comprar um cem pães, mas não tinha grana,
Fazer o que cinqüenta pães esta bom e bacana,
Só pra comer em sete dias da semana,
Mas nesta cena eu até lembro,
Bolachas creme, (creme) cracker,
Então vai vendo,
Que nem se paga pelo cartão master-card,
Tem coisas que o dinheiro não compra será verdade,

Existem pessoas reclamando de barriga cheia,
Enquanto tem gente se ter nada na mesa,
Eu também vivi, na pobreza,
E sei o que é ter um natal sem ceia,
Todo mundo festejando,
Sem saber que existe pessoas precisando,
De doações para viver,
Por que passou o dia sem comer,
É isto ai natã o papo é serio,
Não pensar só na gente é um grande gesto,
Eu sou um cara que come mais do que o normal,
Por que comer muito não me faz mal,
Agradeço por acordar de manhã,
E tomar meu café e rimar com inatã.

fotos (5)

comentário (0)

artistas relacionados