Cantor AdrianAdriano grejo a vitoria chegou973 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
cancelar

Seu comentário foi publicado. Visualizar

Iniciando música ~ em
    1 / 71

    Contrate

    ADRIANO DE FREITAS GREJO

    (18) 9167-1472 | (18) 9153-8862

    Adriano grejo la no deserto

    everaldo gretter

    Lá no deserto não tem água não tem pão
    Lá não tem vegetação quase nada pra comer
    Lá no deserto é sem asfalto sem calçada
    Não tem loja não tem nada quem vai lá é pra sofrer.
    Não tem escola, sacolão e nem sacola
    Foi lá que Deus fez escola para o aluno ser Cristão.
    Lá no deserto só se aprende quem se humilha
    Quem aprende na cartilha do jejum e da oração.

    (Coro)

    Fale no deserto, cante no deserto,
    Pregue no deserto nem que seja só pra Deus.
    A dor e o sofrimento se vão por um momento
    Você é um instrumento você é um filho seu.
    O deserto não é fácil mas Deus tem um palácio
    Uma eterna morada para o aluno que passar.
    Depois da tempestade vai chegar a sua hora
    Depois desse deserto é só vida de vitória
    No céu tem um diploma que o Senhor vai te entregar.

    Lá no deserto a vida é de sofrimento
    Quando chega o tormento, quando vem o tentador.
    Mas no deserto a gente aprende com Jesus.
    O professor lá da cruz , que por ali também passou.
    Quarenta dias sem provar uma comida.
    Quando estava de saída no deserto respondeu:
    Nem só de pão e de comida vive a alma,
    Mas é de toda a palavra que sai da boca de Deus.

    Músicas mais acessadas

    Fotos (7)

    Release

    FAZIA EU AO SENHOR.A MINHA ORAÇAO,DEUS POR SEU ANJO PEDIU-ME, UM POEMA SOBRE AS BELEZAS DE TODA CRIAÇAO E QUANDO ESCREVI FALANDO DO SOL SENTI SUAS MAOS ME AQUECENDO AO FALAR DA LUA SENTI TODA SUA TERNURA ME ENVOLVENDO FALANDO EU DOS ANIMAIS SENTI-O ME EMBALAR COMO UMA CRIANÇA FALANDO DAS ARVORES E DAS FLORES SENTI SEU SOPRO DE ESPERANÇA FALANDO DA AGUAS SENTI SEU MERGULHO EM MIM COM SEU MISTERIO A ME PROTEGER FALANDO DOS CEUS SENTI SEU AZUL A ME ACOLHER FALANDO DO FOGO SENTI SUA CHAMA PURIFICANDO-ME O SER FALANDO DO AR SENTI SEU SOPRO DIVINO A RENOVAR MEU VIVER