Cantor AdrianAdriano grejo a vitoria chegou956 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
cancelar

Seu comentário foi publicado. Visualizar

Iniciando música ~ em
    1 / 71

    Contrate

    ADRIANO DE FREITAS GREJO

    (18) 9167-1472 | (18) 9153-8862

    Adriano grejo gratidão

    everaldo gretter

    Pois quando um passarinho não pode cantar
    Se acoa fica triste pode até morrer
    Mesmo que tenha asas não quer nem voar
    Seus olhos brilham quase querendo chorar
    Não bebe não descansa e para de comer

    Pois cada ser vivente tem seu próprio som
    No qual emite com toda expiração
    Anunciando a obra das tuas mãos

    As folhas batem palma para ti Senhor
    O vento a soprar ministra o louvor (2x)
    O Som direcionado a Ti é com amor

    Se tudo que tem vida exaltem o Teu Nome
    O que, que eu to fazendo em silêncio aqui
    Por isso eu peguei meu violão
    E compus essa canção
    É para ti Senhor, ouvir

    Eu aprendi que estais em meio aos louvores
    Eu sei que Tu se faz presente hoje aqui
    Ao som das cordas desse violão
    Eu expresso a gratidão
    Não sou nada, oh! Deus sem Ti

    Se tudo que tem vida exaltem o Teu Nome
    O que, que eu to fazendo em silêncio aqui
    Por isso eu peguei meu violão
    E compus essa canção
    É para ti Senhor, ouvir

    Eu aprendi que estais em meio aos louvores
    Eu sei que Tu se faz presente hoje aqui
    Ao som das cordas desse violão
    Eu expresso a gratidão
    Não sou nada, oh! Deus sem Ti

    Ao som das cordas desse violão
    Eu expresso a gratidão
    Não sou nada, oh! Deus sem Ti

    Músicas mais acessadas

    Fotos (7)

    Release

    FAZIA EU AO SENHOR.A MINHA ORAÇAO,DEUS POR SEU ANJO PEDIU-ME, UM POEMA SOBRE AS BELEZAS DE TODA CRIAÇAO E QUANDO ESCREVI FALANDO DO SOL SENTI SUAS MAOS ME AQUECENDO AO FALAR DA LUA SENTI TODA SUA TERNURA ME ENVOLVENDO FALANDO EU DOS ANIMAIS SENTI-O ME EMBALAR COMO UMA CRIANÇA FALANDO DAS ARVORES E DAS FLORES SENTI SEU SOPRO DE ESPERANÇA FALANDO DA AGUAS SENTI SEU MERGULHO EM MIM COM SEU MISTERIO A ME PROTEGER FALANDO DOS CEUS SENTI SEU AZUL A ME ACOLHER FALANDO DO FOGO SENTI SUA CHAMA PURIFICANDO-ME O SER FALANDO DO AR SENTI SEU SOPRO DIVINO A RENOVAR MEU VIVER