Caldeirão Do Meu Nordeste - In Concert

ANDRÉ RIO, LUCIANO MAGNO

UMA PITADA DE LUIZ GONZAGA REI DO BAIÃO
COM O TEMPERO DE VALENÇA, ANUNCIAÇÃO
A FORÇA, O CHÃO TALHADO O BARRO, VITALINO
COM A VALENTIA DO CANGAÇO, VIRGOLINO
A MÃO NO COURO DA EMBOLADA, JACKSON DO PANDEIRO
COM A MÃO NO FOLE, DOMINGUINHOS SANFONEIRO
A MÃO DE DEUS NA TERRA DE FREI DAMIÃO
COM A MÃO ARMADA NO CANGAÇO, LAMPIÃO

VOU MISTURAR
O CALDEIRÃO DO MEU NORDESTE

O CANTO DA GRAUNA NO SERTÃO CHAMANDO CHUVA
O CANTO TRISTE SÓ DE MÃE PEDINDO AJUDA
A LUTA ARMADA DE ANTÔNIO CONSELHEIRO
COM PAZ DE PADRE CIÇO SANTO PADROEIRO
O SOM DO MANGUE PARABÓLICA NA LAMA
COM O SOM DO MAR BEIJANDO AREIA BRANCA NA CIRANDA
O CANTO SERTANEJO PRA SÃO JOÃO MENINO
QUE TRAZ A ALMA DESSE POVO NORDESTINO

VOU MISTURAR
O CALDEIRÃO DO MEU NORDESTE

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (1)

Fotos (9)

Clipes (20)

Release

A Banda Fulô de Mandacaru surgiu em 2001, na época Pingo Barros com 10 anos, Armandinho do Acordeon com 15 anos e Diego César (ex-componente) com 15 anos. Começaram tocando no São João de Caruaru e em festas de amigos, conquistando o público forrozeiro. No ano de 2004 surgiu a grande oportunidade de subirem ao palco principal do São João de Caruaru, abrindo as festividades oficiais. Esse fato foi o divisor de águas na carreira do “Melhor Forró do Mundo”, pois daí em diante começaram a se apresentar em todo o Nordeste, levando a música autêntica nordestina.


Em 2005 fizeram sua primeira Turnê Internacional, na França, realizando 10 shows no período de 27 dias, onde participaram do Festival LE GRAND SOUFFLET juntamente com Renato Borguetti, Silvério Pessoa e uma gama ...

Continuar lendo>>