Por Quem os Sinos Dobram

Paulo Malária

Não é verdade que eu nunca tenha estado aqui
Conheço este lugar da outra vez em que nasci
Agora eu sei por quem os sinos dobram
Agora eu sei que eles dobram por mim
São sete séculos de espera e agonia
São sete vidas procurando isso aqui

Cruzei fronteiras, cordilheiras, oceanos
Cruzei o mundo numa busca sem fim
E aonde eu ia quanto mais eu me perdia
Mas algo me fazia não desistir
Agora eu sei por quem os sinos dobram
Agora eu sei que eles dobram por mim

Primeiro eu fui onde inventavam maravilhas
E muito vi porém sem tanta magia
Depois voei mais longe até a verde ilha
E me encantei, mas ainda não bastaria
Cheguei a meditar sobre o que dom joão dizia
Que só em mim é que eu me encontraria

Mas persisti rodando o mundo até que um dia
Na mais distante terra que me queria
Não é verdade que eu nunca tenha estado aqui
Conheço este lugar da outra vez em que nasci

Agora eu sei por quem os sinos dobram
Agora eu sei que eles dobram por mim

Músicas mais acessadas

Álbuns e Singles/EPs  (5)

Fotos (13)

Clipes (46)

Release

"NINGUÉM PEDIU" é o novo CD do ACIDENTE.

A banda foi formada em 1978 e desde então jamais encontrou seu estilo, sempre se reciclando. No início dos anos 80, o Acidente foi um pioneiro do BRock, lançando três discos de rock básico, blues e similares. A partir de 1989, mudanças radicais levaram a um novo Aça instrumental, de inspiração progressiva.

Com três décadas e meia de existência a banda é uma referência do underground carioca com uma trajetória sem deixar de nunca fazer sucesso.

Agora com o CD "NINGUÉM PEDIU", o ACIDENTE continua mergulhado nas águas lamacentas do Rock, com 25 composições inéditas e uma regravação.

Mais uma vez, o novo álbum conta com as letras fortes e irônicas de Paulo Malária em contraste com as faixas compostas por Helio ...

Continuar lendo>>