SoyerNão Me Escondi1.463 plays
Publicidadeiniciando próxima música em Pular anúncio
Publicidade
Publicidade
pular anúncio
Iniciando música ~ em
    1 / 3

    Não Me Escondi

    Soyer

    Não me escondi,
    Quando escureceu fui viver,
    Fechei meus olhos, parti
    Deixei meu céu desabar
    Como um manto frio em mim

    Me aqueci no calor das lágrimas
    Que desciam formando raízes
    Que escorriam por lembranças
    Vazias perdidas no coração

    E agora eu quero sempre mais do céu azul
    Quero rubor da tarde lá pro sol dormir
    A lua em prata despertar, noite surgir
    Estrelas mergulhar no mar, pra refletir
    A luz branda do teu olhar que ninguém viu
    Se escondeu atrás de mágoas, e não sorriu
    E afastando todo mal, amanheceu
    Mas um dia nasceu.

    Músicas mais acessadas

    Álbuns e Singles/EPs  (1)

    Fotos (9)

    Clipes (2)

    Release

    Já se foram 14 anos desde o primeiro acorde, e aos trancos e barrancos fomos em frente,
    ensaiando em quartinhos improvisados com direito a microfone preso na chapeleira com durex,
    que rasgava os ouvidos de tanta microfonia.
    Crescemos junto com a banda, o primeiro salário rendeu a primeira pedaleira,
    e logo em seguida o primeiro ensaio em um estúdio de verdade,
    onde pela primeira vez todos conseguiram se ouvir. O tempo continuou passando,
    as cabeças mudaram, as referências mudaram, e a música amadureceu.
    De um monte de frases soltas e estrofes sem sentido que deram o primeiro nome da banda (100 Nexo ),
    surgiram letras com personalidade, acordes pesados porém melódicos, e um som único,
    construído ao longo dos anos, através das mais diferentes influências.
    E no dia 1 de Abril ...

    Continuar lendo>>